Acorda, vascaíno!

Eurico Miranda, presidente do clube, tão pequeno quanto o destino que ele oferece ao Vasco. - Foto: GloboEsporte.com

Eurico Miranda, tão pequeno quanto o destino que nos oferece. – Foto: GloboEsporte.com

Faça um exercício de imaginação, caro torcedor vascaíno. Imagine o quão mais feliz seríamos se gozássemos do privilégio de ocupar a posição da Chapecoense. Com 39 pontos, estacionada em um mediano décimo-quarto lugar, o alviverde da simpática cidade de Chapecó (SC) ainda tem chances reais de quedar-se à segunda divisão, mas vê a balança pender mais fortemente para a Série A, com o campeonato chegando ao fim.

Ou então, quem sabe, ampliando o sonho, não estaria de bom tamanho o décimo-primeiro lugar, hoje ocupado pelo Atlético do Paraná? 42 pontos em 12 vitórias e um saldo de gols negativo em apenas cinco tentos seriam mais do que suficiente para nos transmitir alívio e certeza de que, ano que vem, comporíamos a chamada elite do futebol, ainda que o topo da tabela se pusesse à distância basicamente intransponível.

Não pare por aí. Sonhe mais alto e, seja franco. Qual não seria sua alegria, hoje, se o Vasco fizesse a campanha da nossa “co-irmã-de-uniforme” Ponte Preta? Um sossegado nono lugar, com seguros 47 pontos, suficientes para assegurar a permanência na série A, a despeito de não lhe permitirem aspirar à Libertadores ou, tampouco, pensar no troféu da competição nacional.

Seria ótimo, não seria?

Não. Não seria.

Sabe por quê?

Porque isso tudo só parece razoável ao Vasco da Gama por conta das administrações atrozes a que o clube foi subjugado na última década e meia.

Porque supervalorizamos um campeonato tacanho como o estadual fluminense que pareceu bastante para o mandatário Cruz-maltino afirmar que, por tão pouco, o respeito havia voltado.

Porque vimos um presidente calar seus jogadores sensatos para mentir uma impossível luta pelo título, ante uma realidade infinitamente mais amarga.

Porque enquanto nos faltava o futebol, que nos levou às grandes glórias, nos sobravam bravatas, que nos encaminhavam às ruínas.

Porque assistimos uma gestão valorizar o amadorismo que derruba em detrimento do profissionalismo que soergue.

Porque, à ausência de jogadores do nível que a nossa camisa merece, ouvimos Eurico jactar-se como a principal contratação vascaína.

Porque tudo isso é pouco para o Vasco, cuja história exige almejar, com lastro para tanto, as taças, as conquistas e os cumes da tabela.

Porque, com o respeito que lhes cabem, Chapecoense, Atlético-PR e Ponte-Preta jamais podem servir de comparação a quem já foi responsável por apresentar, ao mundo, o futebol brasileiro e o fez com exibições irretocáveis e célebres.

Por tudo isso, meu chapa, é fundamental que você torça, mas torça muito, hoje contra o Grêmio para que ainda respirem, nesta competição, as chances de escaparmos de mais um descenso. Mas tão importante quanto é assegurar-se de que você torça acordado, desperto, atento, sem deixar-se levar pela ideia de que uma virada nesta lamentável situação será um feito à altura do que, de verdade, somos.

O amor ao clube não pode servir de refúgio ao embuste. O sonho de escapar da degola é, na realidade, cruel pesadelo. E a quem te disser o contrário, não titubeie. Mande-o para a Sibéria.

Anúncios

Um pensamento sobre “Acorda, vascaíno!

  1. Gosto desse blog pelas análises críticas e inteligentes que sempre são feitas. Parabéns por isso, meu amigo!
    Eu me tornei vascaínos pelos esquadrões que montamos no século passado. Hoje fico triste, muito triste ao assistir pela televisão (faz 5 anos que não moro no RJ) a cada gol de bicicleta, falha da defesa, pixotada do atacante ou goleada que sofremos de times que em outras épocas tremiam ao ver a cruz de malta.

Concorda, discorda, gostou? Opine você também.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s