Sobre Lucas, Jean Patrick e Bruno Ferreira

brunosilva
Mais uma vez, com poucos recursos financeiros, o Vasco volta a fazer apostas em rostos desconhecidos na principal janela de transferências nacionais. Após a debandada que deve levar uma dúzia de jogadores do elenco, a torcida segue temerosa com a reformulação do time. Neste momento, uma das funções mais importantes e menos valorizadas no futebol deveria entrar em ação: os olheiros.

As apostas de José Luiz Moreira me deixam pessimista por um simples motivo: era exatamente desta forma que o Vasco fazia no começo deste século. Havia pouquíssimos jogadores realmente bons no elenco. Eram feitas contratações pouco conhecidas em massa e quase nenhum dava certo (alguns sequer chegavam a estrear). Como consequência, o Vasco tinha um elenco inchado e gastava rios de dinheiros com jogadores encostados.

Não faço ideia de como jogam Lucas, Jean Patrick e Bruno Ferreira. Ficaria otimista se visse que o Vasco mudou o seu critério para fazer apostas. Espero estar enganado, mas não é o que me parece. A tendência é de mais umas cinco contratações parecidas e quase nenhum ser útil ao elenco.

As apostas do Vasco parecem mais movidas por interesses de empresários do que os do próprio clube. É necessário mudar (ou criar) um competente grupo para a captação desses jogadores. Pessoas que entendam de futebol, que façam estatísticas e percebam eficiências de atletas que convirjam com deficiências do elenco. Claro, jamais haverá precisão no futebol, mas já poderiamos aumentaríamos nossa possibilidade de sucesso. Caso contrário, todo fim de ano será tempo de reformulação.

Natal sem presente

Neste ano, José Luiz Moreira ainda não prometeu nenhum presente de natal para a torcida vascaína. Falta pouco.

De qualquer forma, a todos os vascaínos, meu sincero feliz natal. Que Papai Noel traga o nosso verdadeiro Vasco de volta!

Anúncios

2 pensamentos sobre “Sobre Lucas, Jean Patrick e Bruno Ferreira

  1. São os malditos empresários sem dúvida. Ainda bem que essa mamata está com os dias contados! Com a nova regra da fifa acredito que isso possa mudar.

  2. O lateral direito da Portuguesa é uma boa aposta, vi vários jogos bons dele, apesar do time muito ruim. O Patrick nunca jogou no profissional aqui do Grêmio, e pelos times que passou (vários entre GO e MT), D’us me livre! Não sei se são empresários que motivam esse tipo de contratação ou a necessidade… Graças a D’us tem o campeonato carioca ANTES do brasileiro…

Concorda, discorda, gostou? Opine você também.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s