O Gigante não voltou

Gigante-Colina-arte-Mario-Alberto_LANIMA20110608_0021_26
O Vasco, finalmente, voltou à Série A. Aos trancos e barrancos e numa fria terceira colocação, o clube conseguiu o sofrido acesso na penúltima rodada da Série B. Os problemas, no entanto, estão longe de terem sido solucionados.

A neblina se faz presente no 2015 vascaíno. O que, afinal, vai ser da gente? Rebaixados? Quase rebaixados? Coadjuvantes? Competitivos?Dentro de campo, mal temos dez jogadores que mereçam vestir a nossa tradicional camisa. Fora dele, o contestado grupo de Eurico Miranda está de volta ao poder.

Thiago Neves, Diego Souza e Sheik. R$30 milhões com a Coca-Cola e a TAP. Carlos Leite responsável por tornar o elenco vascaíno competitivo. Luan, Jhon Cley e Thalles possivelmente negociados. Confesso que as notícias não me deixam otimista.

Thiago Neves e Diego Souza seriam ótimos reforços, mas o Vasco não pode abrir mão de suas promessas para ter, temporariamente, jogadores emprestados. Além disso, o que receberemos numa possível venda do Thalles, uma das grandes apostas brasileiras na posição, deve ser gasto ao longo do ano num elenco cheio de jogadores inutilizáveis. É um erro repetido há mais de dez anos em São Januário. Quanto aos patrocínios, não consigo acreditar que empresa alguma vá investir R$20 milhões no desvalorizado e duvidoso Vasco.

Quando Eurico Miranda acertou com a MRV, em 2008, valor especulado no noticiário era cerca de R$12 milhões. Meses depois, no entanto, veio a confirmação de que o Vasco recebia míseros R$3,5 milhões. Também acertamos com a Habib’s, por R$350 mil anuais. Por isso, os valores das atuais especulações parecem piada.

Precisamos de um equilíbrio: soluções a curto e a médio prazo. Ser minimamente competitivo e, ao mesmo tempo, respirar financeiramente. Não é tarefa fácil. O Vasco voltou à elite. O Gigante ainda não voltou.

Anúncios

2 pensamentos sobre “O Gigante não voltou

  1. Bruno está de Parabéns!
    Você resumiu toda a angustia que passa o torcedor vascaíno!

    Também não acredito em 30 milhões em patrocínios. Isso é uma falácia do eurico. Sabemos bem o tipo de acordo que ele faz e consegue. Uma pessoa que preside um dos maiores clubes do país na base da mentira e da arrogância.

    Não concordo em trazer medalhões como sheik e Thiago Neves que iram jogar muito pouco pelo valor que será investido neles e ter que se desfazer dos garotos para pagar esses e outros jogadores de técnica inferiores.

    Já começou mal o eurico. A coca-cola não patrocina clubes e sim campeonatos, pois sua exposição é muito maior. E vá lá ver se é verdade que a TAP está querendo realmente investir no Vasco, quando poderia investir no Porto ou Benfica e aparecer na Champions League ou Europe League.

    2015 será mais um ano de angústias e decepções com eurico no comando! Pior que será o primeiro de três longos anos, provavelmente disputando campeonatos como coadjuvantes e para não cair ou talvez brigando por uma vaga na Sulamericana!

Concorda, discorda, gostou? Opine você também.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s